All for Joomla All for Webmasters

Deixe que pensem, que digam...

Typography

Caminhar era seu meio de locomoção e o fazia, preferencialmente, sozinho. Por onde passasse despertava um misto de curiosidade e estranheza, reações essas que absolutamente o afetavam.

 Longe de querer ser notado, tinha na discrição o aspecto coerente desse seu comportamento. Tornara-se uma pessoa de poucas palavras.

Avesso a qualquer chamamento para uma convivência em grupo, por razões pessoais, evitava qualquer confrontação cujo assunto fosse política, religião ou futebol. E não se considerava alienado.

Estava mais interessado, sim, em fortalecer seu universo pessoal mediante uma cumplicidade com a natureza, e o fazia começando pelo respeito à mesma, simplesmente agradecendo-a pelo ar, água e energia que ela oferece.

Paralelamente, e após cumpridas as convenções de um comportamento social cuja utilização de expressões vazias, e obrigatórias, era praxe, como “tudo bem”, “como vai”, “bom dia”, “até logo”, “beleza”, sentia-se no direito de ignorá-las e simplesmente substitui-las pelo silêncio ... e caminhar.

Embora contestada, era a forma de manifestar sua individualidade, portanto, deixe que falem, que pensem...

Carlos Roberto de Oliveira

e-max.it: your social media marketing partner