Pela segunda vez, Rubens Barrichello vence a Corrida do Milhão da Stock Car

Esporte
Typography

A décima edição da Corrida do Milhão, realizada no final da manhã deste domingo (5) em Goiânia, trouxe além de uma corrida espetacular, um pódio verdadeiramente apoteótico. Disputada em altíssima velocidade pelos 2.696 metros do anel externo do circuito da capital de Goiás, a prova foi vencida por Rubens Barrichello, que leva um milhão de reais pela segunda vez após ter vencido em 2014 também em Goiânia.

Barrichello aproveitou-se de toda sua experiência, de um carro muito bem acertado e de uma estratégia diferente em relação aos ponteiros do grid para subir no degrau mais alto do pódio – além, claro, do Fan Push votado pelo público. Em sua última parada de box, a três voltas do final, conseguiu sair à frente do então líder Max Wilson, da Eurofarma-RC. O português Antonio Félix da Costa, que correu como convidado da Hero Motorsport, fechou o pódio em terceiro lugar.

“O Mau-Mau (Maurício Ferreira, chefe da equipe) dizia para não termos medo de sermos diferentes. Ficar na pista era um risco, pois podia entrar um safety car, que já tinha entrado outras vezes. Para nós, graças a Deus, não recebi nenhum toque, mas foi uma prova de muitos acontecimentos, alguns acidentes que a gente precisa revisar. De qualquer forma, ficar na pista andando rápido e, cara, usar o Fan Push, aquele que o público votou, aquele que o público me ajudou. É realmente pagar de volta todos aqueles momentos que a gente teve junto nos 19 anos de Fórmula 1. Agradecer a Deus por estar aqui – vou sempre me emocionar, porque não posso me esquecer do problema de saúde que tive no começo do ano. Com 46 anos, competitivo desse jeito, só posso agradecer aos céus de verdade”, discursou.

O público lotou as arquibancadas, arena e camarotes do Autódromo Internacional de Goiânia em uma manhã bastante quente. O pódio, montado no meio da arena, colocou o público junto a seus ídolos, a uma proximidade jamais vista na Stock Car – o que tornou a comemoração do vencedor ainda mais memorável. “Goiânia é muito especial para mim. Eu tinha um sentimento quando acordei hoje de manhã: o de que seria muito competitivo, mas não seria fácil”, pontuou.

Fonte: Assessoria 

 

e-max.it: your social media marketing partner