Pelas areias do Ceará, um teste do Captur CVT 1.6

Lançamentos
Typography

A reportagem da Sobre Rodas passou uma semana a bordo do Renault Captur 1.6  com câmbio X-TRONIC CVT, na região da capital cearense, Fortaleza. O carro foi cedido pela montadora francesa que tem fábrica em São José dos Pinhais, no Paraná.

 

Durante o período, a reportagem foi parada alguma vezes no trânsito: “Esse carro é de vocês ou estão testando? Estou querendo comprar um”, disse o empresário João Vicente, em um dos semáforos da capital cearense. 

Mais que embelezar as ruas e avenidas do litoral do Ceará, pois o carro acaba de conquistar o prêmio “Melhor Design” no “Americar 2018” (promovido pela Associação América Latina da Imprensa de Carros), foi possível testar dirigibilidade, potência, conforto, estabilidade, consumo, segurança e conectividade do Captur.

Um dos detalhes que facilita a vida no dia a dia, é a chave cartão com sensor de presença. Para entrar no SUV, não é preciso inserir a chave na fechadura, ela pode estar no bolso e ou na bolsa. Se está perto, basta acionar o botão na porta e entrar. Para ligar é semelhante. Não é necessário estar na ignição. Se estiver dentro do Captur, é só apertar o botão Start/Stop e seguir viagem. Modernidade que garante agilidade e segurança em momentos onde é preciso arrancar com rapidez. Pode ser uma boa opção, inclusive, para mulheres que acabaram de sair da manicure e não querem estragar os esmaltes das unhas. 

O conforto acústico é um dos pontos altos do SUV. Ele é silencioso tanto na estrada como na cidade. A câmera de ré e os sensores de estacionamento traseiros ajudam a evitar aquelas terríveis batidinhas na hora de manobrar. Ela mostra ao condutor a presença de obstáculos próximos.

Ele vem com 12 porta-objetos úteis e práticos para o uso diário, localizados nos painéis das portas, console central, painel de bordo e porta-luvas.  

O sensor crepuscular é uma outra ferramenta que auxilia o motorista. É um sistema inteligente que capta a luminosidade do ambiente e acende as luzes automaticamente conforme a necessidade. Além disso, o sensor de chuva ativa o limpador de para-brisas caso seja necessário.

Dirigibilidade

Se por fora o SUV já chama a atenção por sua pintura biton (de duas cores), o que a reportagem testou era marfim com o teto preto, a parte interna é também muito atraente e espaçosa, ideal para famílias. Tem ar-condicionado automático, velocímetro digital e vidros elétricos nas quatro portas.

A direção do Captur é eletro-hidráulica, somada a boa altura do solo, o carro proporciona mais conforto tanto para enfrentar os buracos das ruas da cidade, como também em terrenos acidentados e na areia. A posição alta de dirigir e a área envidraçada melhoram o campo de visão dando mais segurança ao motorista e evita acidentes.

Os bancos R-Confort trazem bidensidade e formato concha proporcionando mais ergonomia e acomodando melhor o condutor e os passageiros.

O porta-malas é generoso, tem 437 litros. Abriga malas de uma família de quatro pessoas com tranquilidade. E o melhor de tudo, é possível acessar de dentro do Captur. Assim como o quesito segurança. 

Conectividade

Com a conectividade do Captur nem precisa ser tão bom motorista. O MEDIA Nav ajuda em muito. De forma intuitiva e com no máximo quatro cliques, é possível acessar e configurar qualquer funcionalidade da central multimídia, através da tela touchscreen de 7”, que possui: GPS integrado, Bluetooth®, câmera de ré, eco-scoring e eco-coaching. Além de todas estas funções, o sistema é integrado com o comando satélite que possibilita ao motorista acessar tudo sem tirar as mãos do volante. Ele avisa, inclusive, se o carro está acima da velocidade permitida na via, também radares e semáforos. 

O GPS também é bem atual. Oferece várias rotas para um mesmo destino informando o trajeto e o tempo do percurso. 

Segurança

O Captur traz de série o controle eletrônico de estabilidade (ESP), sistema que garante maior segurança nas curvas ao corrigir movimentos que podem fazer o veículo sair da trajetória normal. Há ainda o controle eletrônico de tração (ASR), sistema que proporciona maior aderência em diferentes tipos de superfícies.

O SUV vem com quatro airbags (dois frontais e dois laterais). Outro destaque do modelo é a incorporação do sistema de fixação ISOFIX para duas cadeirinhas infantis no banco traseiro.

Conta também com luzes de rodagem diurna LED (DRL), freios ABS, auxílio de frenagem de emergência (AFU) e distribuição eletrônica de frenagem (EBD).

 A assistência de partida em rampas (HSA) é acionada quando o carro se encontra em uma inclinação superior a 3°. Este sistema freia o carro por até 2 segundos, auxiliando a arrancada em ladeiras e trazendo conforto e segurança.

Motor

O motor testado pela Sobre Rodas foi o recém-lançado 1.6 SCe (120 cv), mas também há o 2.0 16V (148 cv), opção para quem busca ainda mais desempenho. 

Um agradecimento especial à concessionária Jangada, de Fortaleza.

Por Abilene Rodrigues

e-max.it: your social media marketing partner