Mobilidade elétrica de Itaipu ganha destaque em série de vídeos de agência alemã

Lançamentos
Typography

A experiência de Itaipu Binacional em desenvolver e promover a mobilidade elétrica no Brasil foi selecionada para compor uma série de vídeos produzidos pela Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ), ligada ao Ministério Alemão de Cooperação Econômica e Desenvolvimento (BMZ).

O trabalho está sendo realizado dentro do Promob-e, projeto de cooperação técnica entre o governo alemão, por meio da GIZ, e o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic).

O diretor da GIZ e responsável pelo trabalho no Brasil, o alemão Jens Giersdorf, esteve na Itaipu nesta semana para gravar entrevistas e mostrar alguns dos projetos da binacional. A equipe foi recebida pelo coordenador brasileiro do Programa VE, engenheiro Celso Novais.

Entre os temas abordados, estão o Sistema de Compartilhamento Inteligente de Itaipu e o projeto de bateria de sódio, desenvolvido em parceria com o Parque Tecnológico Itaipu (PTI). Novais também falou sobre a evolução e os objetivos do Programa VE, o impacto da nova tecnologia no setor elétrico e as oportunidades para o Brasil no setor.

“O objetivo da cooperação é promover o uso e a aplicação da mobilidade elétrica no Brasil. Temos um foco maior no transporte público urbano e no transporte de carga, também no contexto urbano, porque acreditamos que essas sejam as aplicações mais realistas no momento”, explicou Giersdorf.

“Dentro desses projetos, nós trabalhamos no apoio à formulação de políticas públicas, à normatização e regulamentação, além de projetos-piloto com parcerias públicas e privadas. Também fazemos atividades transversais, como a capacitação de gestores de ministérios, órgãos reguladores e visitas técnicas”, completou.

Segundo ele, os vídeos ajudarão a esclarecer a população que a mobilidade elétrica já é uma realidade nas ruas brasileiras, além de destacar as vantagens (especialmente no aspecto de proteção ao meio ambiente) e desfazer mitos, como dúvidas sobre a autonomia e o impacto do veículo elétrico na rede.

A ideia é produzir cinco ou seis vídeos curtos, de três a quatro minutos cada um, que serão publicados no site do Promob-e (www.promobe.com.br/), nos canais de comunicação dos ministérios e de todos os parceiros. O trabalho deve começar a ser divulgado em junho.

Giersdorf acrescentou que Itaipu faz parte do GT7, que é o grupo de trabalho instituído para discutir a nova política automotiva brasileira, e que a experiência pioneira da binacional em mobilidade elétrica vai contribuir para esclarecer a sociedade sobre as vantagens dessa nova tecnologia.

“Acredito que Itaipu tem a maior frota de veículos elétricos do País e se destaca pelo Programa VE e nas pesquisas e desenvolvimento no setor. Também investe em soluções apropriadas para o Brasil, como o desenvolvimento de um acumulador de sódio. Por isso, é importante contar com essa expertise e compartilhar essa experiência com outros agentes no Brasil”, finalizou.

Fonte: Assessoria

e-max.it: your social media marketing partner