Segundo a montadora, mais de 5 mil veículos já foram comprados pela internet

O Renault Kwid já pode ser comprado pela internet. Isso mesmo. A montadora apresentou nesta sexta-feira (27) uma plataforma on-line exclusiva para a venda do modelo, batizada de K-commerce. Segundo a Renault, em poucos dias, mais de 5,1 mil clientes já fecharam negócio por meio da nova plataforma.

De acordo com a montadora, o K-commerce atende aos anseios do consumidor brasileiro, cada vez mais conectado, podendo ser acessado via computador, tablet ou celular. O serviço agrega todas as etapas da aquisição de um automóvel, incluindo financiamento, pré-avaliação do usado e pagamento por boleto.

“O Kwid é um veículo inovador desde o seu projeto e da sua pré-venda. Entendemos o que os clientes desejavam e, dando continuidade a essa trajetória, apresentamos o K-Commerce, a inovadora e mais completa plataforma para a compra de um veículo. Isso é o que nós, da Renault, chamamos de Easy Life: soluções que facilitam a vida dos clientes”, afirma Luiz Pedrucci, presidente da Renault do Brasil.

 

O K-Commerce pode ser acessado diretamente no site loja.renault.com.br ou no ícone "Compre o seu", no site www.kwid.com.br 

Desenvolvida em parceria com a SAP Brasil,plataforma inclui as seguintes funcionalidades:

-definição da forma de pagamento: à vista ou financiamento pelo Banco Renault;

-aprovação on-line do financiamento;

-pré-avaliação do seminovo pelo sistema AutoAvaliar, já utilizada por lojistas e concessionários;

-emissão de boleto para pagamento;

-acompanhamento do pedido pelo site e por e-mail.

A ferramenta oferece previsão de entrega do Kwid, levando em conta a localização do cliente e o tempo de transporte para a concessionária.

Desenvolvimento

O K-Commerce foi desenvolvido em parceria com a SAP Brasil em apenas 44 dias. “Para transformar esse desafio em realidade em um prazo tão curto, utilizamos a metodologia Agile, que já vem sendo aplicada a vários projetos da Renault do Brasil, gerando excelentes resultados”, completa Pedrucci.

Seguindo a metodologia, foi mobilizado um time interno (Squad) com representantes de cinco diretorias da Renault: TI, Marketing, Vendas e Rede, Supply Chain e Pós-Venda. Com a parceria da SAP Brasil, chegou-se a um total de 53 pessoas, localizadas em três países – Brasil, França e Canadá – e trabalhando em turnos, 24 horas por dia, para viabilizar o K-Commerce.

“Foi necessário unir um total de 15 sistemas, que permitissem a avaliação do usado, o financiamento e o rastreamento do produto da linha de produção à entrega. O Squad do K-Commerce continua em operação, de forma que já incluímos outras funcionalidades desde que a plataforma foi lançada e continuaremos fazendo isso em sprints futuros, sempre com o intuito de dar ainda mais comodidade aos nossos clientes”, afirma Angelo Fígaro, diretor de TI da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi para a América Latina.

Em sprints já realizados, foram acrescentas ao K-Commerce facilidades como:

-novas condições de financiamento;

-chat on-line;

-inclusão da quilometragem na pré-avaliação do usado;

-vídeo do passo a passo de compra de um Kwid.

 

 

A plataforma escolhida para o K-Commerce foi a Hybris e-commerce solution, da SAP Brasil, principal parceira da Renault na realização do projeto e que já em 2017 foi posicionada pela empresa de pesquisa e consultoria em tecnologia da informação Gartner entre os Líderes do relatório Quadrante Mágico 2017 no que se refere ao Gerenciamento de Campanhas Multicanal.

 

 

“A Renault nos trouxe um projeto e nós ‘compramos’ a ideia. Nós nos dedicamos para atender todas as necessidades, especialmente o prazo. Foi um desafio que provocou nossa equipe a buscar soluções ainda mais inovadoras e a criar novos processos internos que nos garantiram a agilidade que o cliente precisava”, afirma Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil.

 

Funcionando 24 horas por dia, a plataforma já registra mais de 1,5 milhão de acessos, a maior parte por celulares e tablets (70%). Ao todo, mais de 5.100 Kwid já foram vendidos pelo K-Commerce.

A Expedição da Nissan “À procura do início do Brasil” na região da Bahia fez uma viagem no túnel do tempo nessa quarta-feira (25). Ao visitar o Complexo Arqueológico Serra das Paridas, aos redores da cidade de Lençóis, foi possível ver vestígios de pessoas que passaram ou habitaram pela região há mais de 8 mil anos. A reportagem do portal Revista Sobre Rodas participa da expedição junto com outros 13 jornalistas de várias partes do Brasil.

A JAC confirmou hoje que o SUV grande T80 será importado para o mercado brasileiro em novembro. A confirmação veio durante o Salão do Automóvel de Pequim (Auto China), qur teve início hoje.

Chamado de S7 no mercado chinês, o T80 acomoda até 7 pessoas. Com uma carroceria de 4,79 metros de comprimento por 1,90 m de largura, e entre-eixos de 2,75 m, ele promete ser o maior e mais espaçoso SUV da categoria. O T80 será equipado com motor 2.0 16V turboalimentado, capaz de gerar algo ao redor de 200 cv e mais de 30 kgfm de torque.

“Estamos refazendo todo o mapa desse propulsor para adaptá-lo à gasolina brasileira”, explica Habib. O câmbio será automático de 6 velocidades com dupla embreagem.

“Estamos propondo uma agenda intensa de lançamentos de SUV´s da JAC Motors no Brasil. Além do T40 CVT, que chegou há poucos dias no mercado, vamos apresentar o T50, de porte maior, nos próximos meses. Depois dele será a vez do T80, que chegará em novembro”, comenta Habib.

Crescimento

Com o fim das restrições de importação do Inovar-Auto, a JAC vem crescendo no mercado e ocupa posição de destaque na lista dos importados mais vendidos do país, com 718 unidades emplacadas entre janeiro e março deste ano. Com o T40 CVT, a fabricante espera alcançar entre 700/800 unidades/mês.

“Nossa meta é duplicar as vendas neste ano, atingindo 8 mil unidades”, diz Habib.

A Ford deu início hoje à produção local do motor 1.5 Ti-VCT Flex de 3 cilindros e da nova transmissão manual MX65. Com potência de 137/130 cv (com gasolina e etanol) e torque de 16,1/15,6 kgfm, o  o propulsor possui duplo comando de válvulas e selo A do Inmetro em consumo e eficiência energética. Os novos motor e transmissão vão equipar o Ka FreeStyle, novo utilitário compacto da marca que deve estrear no segundo semestre de 2018.

Atualmente, o motor 1.5 (primeiro 3-cilindros com esta cilindrada) equipa o EcoSport, mas vem importado da Índia. Com 91,5 cv/l, é o motor naturalmente aspirado com a maior potência específica do mercado. O Brasil foi o primeiro País a receber o propulsor global da marca e será um dos únicos a produzi-lo, ao lado da China, do México e da Índia.

A nova transmissão manual de 5 velocidades pesa 8 kg menos que a transmissão IB5 e promete mais eficiência e melhor dirigibilidade. Além do Brasil, é também fabricada na França e na Índia.

50 anos

Os anúncios foram feitos durante cerimônia que marcou os 50 anos de operação da fábrica da Ford em Taubaté (SP). Além do presidente da Ford América do Sul, Lyle Watters, o evento contou com a presença do governador do Estado de São Paulo, Márcio França, do prefeito de Taubaté, José Bernardo Ortiz Junior, e outras autoridades, executivos, sindicalistas e empregados.

“A produção local do novo motor e da nova transmissão é mais uma prova do foco da Ford em servir os consumidores com produtos versáteis, que oferecem grande economia de combustível sem comprometer a performance e o prazer de dirigir”, disse Lyle Watters. “Para isso, fizemos significativos investimentos em equipamentos, sistemas e melhoria de processos que estão totalmente alinhados com os conceitos da Indústria 4.0”

Indústria 4.0

Para a produção do novo motor e da nova transmissão em Taubaté, a Ford investiu em equipamentos e processos que seguem o conceito de Indústria 4.0, para garantir o alto nível de eficiência e qualidade da operação. Entre as novidades, estão a instalação de 30 robôs e uso da tecnologia de rastreamento QR Code na linha de motores, além de 19 robôs e solda a laser na unidade de transmissões.

Além de flexibilidade para a produção de motores de três e quatro cilindros na mesma linha, a fábrica tem 100% dos equipamentos conectados via wi-fi para monitoramento on-line da produção, da qualidade e da manutenção de máquinas e equipamentos.

“Nós atualizamos 100% do nosso parque fabril em Taubaté e melhoramos o fluxo de materiais, proporcionando eficiência nos processos e alta produtividade. Assim, estamos alinhados ao que existe de mais avançado na Ford no mundo", disse Rogelio Golfarb, vice-presidente de Assuntos Governamentais, Comunicação e Estratégia da Ford América do Sul.

 

Segundo Golfarb, a Ford tem uma grande tradição no desenvolvimento de motores, sendo um dos destaques o 1.0 Ti-VCT Flex de três cilindros que equipa o Ka e contribuiu para a marca exceder as metas de eficiência energética do programa Inovar-Auto.