Não deixe para a última hora. Acerte já as contas com o leão 

Variedades
Typography

Contadores da Aconfoz alertam sobre a importância da declaração do Imposto de Renda

José Devilla (Loli) 

Comprar carros, motos, caminhões ou qualquer outro veículo é muito bom, mas agora chegou a hora de acertar as contas com o fisco. A declaração do Imposto de Renda Pessoa Física relativa ao exercício de 2018 pode ser entregue até 30 de abril.  Embora a multa mínima para quem perder o prazo é de R$ 165,74, limitada a 20% do imposto devido, boa parte dos contribuintes ainda não acertaram as contas com o leão. 

Em Foz do Iguaçu, a receita recebeu apenas 14 mil declarações dos iguaçuenses. Ou, 28% das 47 mil esperadas. Em 2017, a Delegacia da Receita do município recebeu 46.609 declarações.

No Paraná. Até o momento foram entregues pouco mais de 530 mil declarações.

Em todo o Brasil, 93 milhões de brasileiros já acertaram as contas com o fisco, ou 32% do total esperado (28,8 milhões).

Segundo os contadores Laurismar José Devilla (Loli) e Amauri Clóvis de Oliveira, da Aconfoz Contabilidade, deve entregar a declaração a pessoa física que no ano-calendário de 2017: recebeu rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70; auferiu rendimentos isentos em valor superior a R$ 40 mil; obteve renda bruta da atividade rural em valor superior a R$ 142.798,50; teve, em 31/12/2017, a posse ou propriedade de bens em valor superior a R$ 300 mil; passou à condição de residente no Brasil; realizou operações em bolsas de valores; além de outras hipóteses.

Amauri Clóvis de Oliveira

O valor da dedução por dependente é de R$ R$ 2.275,08. As despesas com instrução estão sujeitas ao limite anual individual de R$ 3.561,50, e a dedução de despesas com a contribuição previdenciária patronal com empregado doméstico limita-se a R$  1.171,84. Para despesas médicas não há limite de dedução.

O contribuinte que opta pelo desconto simplificado (declaração simplificada) tem o desconto limitado a R$ R$ 16.754,34.

Os contadores alertam que os contribuintes que tenham imposto a pagar podem fazer o pagamento em até oito quotas mensais, desde que não sejam inferiores a R$ 50. A primeira deve ser paga até 30 de abril.

Procure um contador e faça a sua declaração.

 

e-max.it: your social media marketing partner