Com entrada gratuita e grandes atrações, Megarock começa nesta sexta-feira (13)

Variedades
Typography

Dezoito bandas, exposições de carros antigos, encontro de motoclubes da região, feira de produtos temáticos e diversas opções de alimentação são as credenciais do evento que, logo em sua primeira edição, já chega como o maior festival de rock do Oeste do Paraná. Foz do Iguaçu recebe, de sexta-feira (13) a domingo (15), no Parque Charrua, o Megarock – A energia do rock iguaçuense. A entrada é franca.

 

Promovido pela Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu, por meio da Fundação Cultural e da Secretaria Municipal de Turismo, o Megarock conta com apoio da Itaipu Binacional, Iguassu Convention & Visitors Bureau (ICVB), Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Guarda Municipal de Foz do Iguaçu, Foztrans, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal, além da parceria com a União dos Motociclistas de Foz do Iguaçu, Antigos Foz e Coletivo Underground. 

Cólera e Replicantes, duas bandas seminais do punk rock nacional; Korzus, um dos maiores nomes do thrash metal do Brasil; e Project 46, um dos mais proeminentes grupos de metalcore do País, encabeçam o lineup. A música autoral de 12 bandas da região – Mil Réis, Bronca, Morthal, Duo Versão Contrária, Reação Química, Mal Pagos, Mad Old Rockers, André Lacerda Acústico, Experience, Corleone, Arsênio e Tumulto – e a convidada Dominus Praelli, de Londrina, encerram a lista de atrações artísticas. 

O evento celebra o Dia Mundial do Rock (13 de julho), data que já faz parte do calendário oficial de eventos do município desde 2011. Esta será, porém, a primeira efeméride roqueira iguaçuense com artistas de expressão nacional e um grande número de bandas locais no palco. 

“Além da música, estamos preparando um evento mais abrangente, capaz de apresentar o rock como um estilo de vida que influencia na literatura, na moda, na gastronomia e no cotidiano das pessoas”, afirma o vice-prefeito de Foz do Iguaçu, Nilton Bobato. “Também é mais um evento que pretende ser um atrativo de turismo cultural e um cartão de visitas de nossa cidade.”

De acordo com a comissão organizadora, o nome – Megarock – sugere a fusão da unidade de medida megawatt com o rock e remete à história do gênero em Foz do Iguaçu. Nas últimas décadas, muitos grupos de rock foram formados na cidade por filhos dos barrageiros que construíram a usina de Itaipu. Também indica a proporção que o encontro pretende representar em comparação a outros festivais de rock que já aconteceram na região. A ideia é que o Megarock tenha periodicidade anual e gradativamente conquiste espaço no calendário nacional de eventos musicais.

Durante o evento, o ex-vocalista e líder da banda Cólera, Redson Pozzi, que morreu em 2011, será homenageado. “Ele foi uma figura importante para todo esse segmento cultural de nossa cidade, pois ajudou a gravar e a mixar o primeiro disco de rock de Foz do Iguaçu”, diz o músico e promotor cultural Márcio Duarte, baterista da banda Tumulto. “Além disso, Redson era uma pessoa única e suas músicas permanecem atuais e importantes para nós até os dias de hoje.”

Programação

Sexta-feira (13)

19h - Abertura dos portões

20h – Mil Réis

21h – Bronca

22h – Morthal 

23h – Korzus 

Sábado (14)

16h – Abertura dos portões

18h – Duo Versão Contrária

19h – Experience 

20h - Reação Química

21h – Mal Pagos

22h – Mad Old Rockers

23h – Replicantes

24h – Cólera

Domingo (15) 

16h – Abertura dos portões

17h35 – André Lacerda 

18h25 – Corleone 

19h15 – Arsênio 

20h05 – Dominus Praelli 

20h55 – Tumulto 

21h45 – Projet 46

Serviço

Megarock – A energia do rock iguaçuense

De 13 a 15 de julho  

Parque de Exposições Charrua (BR-277, 3703 - Vila A, Foz do Iguaçu) 

Atrações: shows de rock, exposições de carros antigos, encontro de motoclubes da região, feira de produtos temáticos e foodpark 

Entrada franca

Fonte: Assessoria 

e-max.it: your social media marketing partner