Variedades

Chico Brasileiro vence prêmio estadual do Sebrae

O Prefeito de Foz do Iguaçu Chico Brasileiro foi o vencedor estadual do Prêmio SEBRAE Prefeito Empreendedor, na categoria Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI com o projeto “Pró Educação: MEI na Escola” voltado à geração de emprego e ao desenvolvimento social e econômico do município. A premiação foi entregue na tarde de segunda-feira (22), na sede do Sebrae, em Curitiba. 
 
Voltado à geração de emprego e ao desenvolvimento econômico do município, o programa MEI na Escola dá oportunidade para que pequenos empresários prestem serviços na rede pública de ensino. Implantado há quase um ano, o projeto foi concebido de maneira inovadora e focado na inclusão produtiva e apoio ao MEI, criando uma distribuição de renda mais equilibrada e com manutenção da renda local.
 
“A maior satisfação consiste nas novas oportunidades de mercado que foram geradas para esses empreendedores e ser reconhecido por este projeto nos motiva cada vez mais a buscar novos caminhos para o desenvolvimento desses pequenos negócios”, disse o prefeito durante a entrega da premiação. “Aproveito para agradecer toda a equipe da prefeitura e importantes parceiros que se dedicaram para implantar este programa e estão envolvidos em transformar a cidade”, completou.

A ideia proposta pelo Projeto é fomentar o desenvolvimento do município, oportunizando melhores condições de trabalho e mercado para o pequeno empreendedor, além de tornar as ações uma referência no tema de empreendedorismo. Mais de 100 microempreendedores individuais estão cadastrados, atendendo as escolas municipais e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIS). O programa está constantemente aberto para a inclusão de novos empresários.
 
Resultados 
Acompanharam o prefeito durante a cerimônia de entrega do prêmio a Secretária Extraordinária de Direitos Humanos e Relações com a Comunidade Rosa Maroa Jerônymo Lima e a Secretária da Administração Salete Horst, que também é Agente de Desenvolvimento e ajudou escrever os dois projetos finalistas. 
 
Para Salete, a premiação é resultado do compromisso dos gestores com a transformação social do município. “Fica evidente que quando há vontade de transformação da realidade local por parte da gestão municipal, preocupação com o desenvolvimento da cidade e o bem-estar da população, torna-se possível realizar grandes ações, apenas reordenando a aplicação dos recursos disponíveis. Assim, alcança-se uma gestão mais humana, que visa ao desenvolvimento econômico e, também, social.
 
Foz Desenvolve
Dos 133 projetos inscritos, apenas 8 chegaram a final e Foz do Iguaçu foi uma das poucas cidades a concorrer com dois projetos: O Mei na Escola e o Foz Desenvolve, criado para facilitar e desburocratiza o acesso do empreendedor a inúmeros serviços. Nesta categoria, a cidade de Ponta Grossa foi à vencedora, com o projeto “Primeira sala digital do Brasil”. 23
No dia 5 de junho, o Município concorre ao prêmio nacional do SEBRAE, em Brasilia. 

Deixe uma resposta