Turismo

Foz do Iguaçu adere a campanha “Meu Destino é Brasil”

Desde a semana passada, Foz do Iguaçu começou a divulgar peças promocionais da campanha “Meu Destino é Brasil”. Assinada pela BBG Brasil, holding que atua na gestão de empresas de Turismo, a campanha foi lançada na primeira quinzena de junho e tem a intenção de estimular o mercado turístico interno quando da normalização dos setores.  Em Foz, Visit Iguassu e a Secretaria Municipal de Turismo, serão os propagadores das peças, já criadas pela BBG, disponibilizando uma série de opções de artes adaptadas para as mídias sociais.

“Meu Destino é Foz” será usado como mote e irá ganhar artes com os atrativos da cidade, gastronomia e natureza da região. Por aqui, a ideia é contar com o apoio de empresas e da população na distribuição através da internet. “Ainda vivemos um momento de incertezas, mas sabemos que isso passará, queremos já estar na mente e no coração das pessoas como um próximo destino e, principalmente, mostrar aqui como um dos destinos mais lindos do mundo, de braços abertos para receber a todos”, comenta Cristiane Santos, diretora Executiva do Visit Iguassu.

Como será replicado por várias cidades e regiões do Brasil, a ideia da campanha é inundar as mídias com mensagens positivas e até de esperança. “Queremos formar uma rede solidária. Nosso único objetivo é viralizar a viagem nacional. Vamos despertar nas pessoas o desejo de explorar o próprio país. Meu Destino é o Brasil é mais que uma campanha conjunta sobre Turismo, é sobre relacionamento, pertencimento e unidade. Esse tipo de incentivo segue as tendências de colaboracionismo mundial”, afirma Luciana Fernandes, sócia da BBG Brasil e uma das idealizadoras da campanha.

Para Washington Sena, diretor de Promoção, Marketing e Eventos, da Secretaria de Turismo de Foz do Iguaçu, os pilares abordados pela campanha, de unificação, fortalecimento e viagem, são essenciais para o Destino nesse momento. “Sabemos da situação que o mundo todo passa, mas ela terá fim e queremos ver o mais breve possível, movimentos nos hotéis e atrativos, dando a nossa região a força da sua real vocação”.