Sem categoria

Foz do Iguaçu bate recorde de visitação no primeiro semestre

Foto: Christian Rizzi
Foz do Iguaçu, um dos mais importantes destinos turísticos brasileiros, fechou o primeiro semestre deste ano com novo recorde de visitação em seu principal atrativo, as Cataratas do Iguaçu. O movimento já é o melhor de todos os tempos no lado brasileiro do Parque Nacional do Iguaçu, que abrigam uma das sete maravilhas da natureza.
 
Entre janeiro e junho deste ano, o lado brasileiro do Parque Nacional do Iguaçu recebeu 908.097 visitantes, um crescimento de 6,4% em relação ao ano passado. O número de visitação do primeiro semestre indica que o atrativo chegará a marca de 1 milhão de turistas antes da marca alcançada no ano anterior.
 
“Estamos confiantes que o segundo semestre será ainda melhor e fecharemos 2019 com novo recorde de visitação, pois já temos mais de 550 voos extras confirmados para os meses de julho e agosto. Setembro, outubro e novembro teremos a alta temporada de eventos na cidade. E também estamos presenciando um movimento crescente de turistas dos países andinos e dos países que agora passaram a ter isenção do visto de entrada no Brasil, como Estados Unidos, Canadá, Austrália e Japão”, afirma o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla.
 
Lideram o ranking de países que visitam o atrativo:  Brasil, Argentina, Paraguai, Estados Unidos, França, Alemanha, Inglaterra, Espanha, Coreia do Sul, China, Peru e Chile.
 
“Esse crescimento constante é resultado de esforços de todos os segmentos da atividade turística em nossa cidade. Concorremos com destinos do Brasil e exterior, precisamos continuar investindo em infraestrutura e serviços para melhorarmos ainda mais o atendimento aos nossos visitantes e aumentar a nossa competitividade para continuarmos crescendo”, observa o diretor da Cataratas S/A, Adelio Demeterko.
 
Norte-americanos
A surpresa positiva na divulgação do balanço do Parque Nacional é o movimento de norte-americanos em Foz do Iguaçu. Nos seis primeiros meses do ano, o número de norte-americanos cresceu 44%, mantendo o ritmo do ano passado, quando fechou com 47% de aumento.
 
O Canadá vem a seguir, com ritmo de crescimento de 42%; seguido do Chile, com 32%; Peru, 29%; Israel, 28%; Espanha, 26%; Coréia do Sul, 24%; Inglaterra, 19%; e China, com 10%.
 
Bolívia
A Bolívia lidera o ranking geral de crescimento, com 51%, com 3.877 visitantes no primeiro semestre. A partir de novembro, esse número deverá crescer ainda mais com o voo direto entre Foz do Iguaçu e Santa Cruz de la Sierra, que será operado pela companhia aérea Amaszonas.
 
“Foz do Iguaçu será um dos destinos brasileiros mais beneficiados pela isenção do visto recém adotada pelo Governo Federal. As reservas futuras, para o final do ano, preveem movimento recorde de turistas dos Estados Unidos para o Brasil, próximo da casa dos três dígitos, e Foz do Iguaçu é um dos destinos mais preferidos”, avalia Piolla.
 
Junho
A marca é impressionante também em relação a junho. De acordo com os dados repassados pelo PNI, o atrativo registrou a entrada de 123.533 visitantes. A alta é de 27% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando 90.151 visitaram as Cataratas do Iguaçu pelo lado brasileiro do parque.
 
Gilmar Piolla avalia que “vir para Foz do Iguaçu está na moda. A qualidade dos nossos atrativos e a ótima relação custo-benefício da nossa hotelaria e da nossa gastronomia, vêm fazendo a diferença”, disse.
 
Fonte: Assessoria 

Deixe uma resposta