Esporte

Foz recebe Campeonato de Wakeboard no sábado (27)

No próximo sábado (27) Foz do Iguaçu será palco do 1º Campeonato de Wakeboard Cablestock. O evento, que é aberto ao público, acontece no Wake Iguassu Cable Park e deve reunir cerca de 40 atletas da região, além de participantes do Paraguai e da Argentina. A realização é da Wake Iguassu Cable Park e da Associação de Desenvolvimento de Esportes Radicais e Ecologia (Adere).

As disputas começarão às 14 horas e seguirão ao longo da tarde nas categorias Iniciante, Feminino, Intermediário e Open (profissional). Além de acompanhar as manobras radicais, o público poderá participar de oficinas de slackline e stand up paddle (SUP), que acontecerão durante os intervalos das competições. Caiaques também estarão disponíveis aos visitantes.

O presidente da Adere, Raby Khalil lembra que, embora o wakeboard seja praticado há mais de 15 anos em Foz do Iguaçu, esta será a primeira vez que a cidade sedia uma competição da modalidade. “O esporte não é novo, mas graças aos praticantes da Adere, o wake se popularizou e hoje temos um produto, o cable park, que gerou maior acessibilidade aos praticantes”, disse.

Wakeboard

Diferentemente da prática em rios e lagos, onde o atleta é rebocado por um barco com o auxílio de um cabo e um manete, no cablepark é utilizado um sistema de cabos que puxam os atletas sobre suas pranchas de um lado a outro, dando-lhes velocidade suficiente para manobrar sobre obstáculos colocados na água.

De acordo com o atleta e organizador do evento, Ettore Oro Amaral, no que diz respeito às manobras, quase não há diferenças entre a prática do esporte nos rios ou no cablepark. “As manobras são iguais, o que muda mesmo é a questão financeira, porque no lago ou rio é preciso ter uma lancha. No cable fica mais fácil aprender e executar, porque o atleta não depende da disposição do barco”, explicou.

Competição

Durante as disputas, cada competidor terá pouco mais de três minutos para percorrer os obstáculos e apresentar o melhor desempenho. Nesta competição, são avaliados o estilo do atleta e a variação, a intensidade, a altura e a distância das manobras. Segundo Ettore, os atletas não são selecionados por idade, mas por nível de evolução no esporte. Os primeiros colocados em cada categoria ganharão troféu e brindes. Os segundos e terceiros colocados receberão medalhas e brindes.

Inscrições

O valor da inscrição, de R$ 120 por atleta, dará direito a dois ingressos para a festa que ocorre após as competições, às 21 horas. Para participar, basta enviar um e-mail para ettowake@hotmail.com e formalizar a inscrição no dia do evento.

Festa

Durante todo o campeonato, os DJs Bruno Ribeiro e John Nose comandarão as pickups para animar a galera. O fim da disputa será marcado por uma grande festa com os DJs João Flávio, Marcelo Penayo e shows das bandas Bob Kurupi (reggae) e os grupos de rap Terceiro Milênio e Efeito Placebo. O day pass antecipado é de R$ 15 por pessoa e pode ser adquirido com a organização do evento pelos telefones: 9997-2400 ou 9102-3401.

Fonte: Assessoria

Deixe uma resposta