Lançamentos

Honda Civic, um sedã que é o “número” delas; e deles!

 

Embora cada um tenha suas preferências na hora de dirigir, seja na cidade ou na estrada, percebemos: o Civic é um carro que é o “número” dos homens e também das mulheres. Cada um à sua maneira. 

Quando uma mulher vai comprar um automóvel, a ideia seria optar por um compacto, considerado mais fácil para estacionar e manobrar, mas nem sempre é assim. Os sedãs médios, sobretudo o Honda Civic, são uma ótima pedida. 

Apesar de ser um três volumes, é leve para circular na cidade. Pode até parecer besteira, mas o volante se encaixa perfeitamente nas mãos do motorista. O carro é silencioso e muito espaçoso. Um detalhe que chama muito a atenção é o assoalho plano, sem aquele “calombo” (túnel central) chato que atrapalha os passageiros do banco de trás. 

Como observa toda mãe, a segurança do veículo é outro diferencial. O Honda Civic EXR tem quatro airbags, freios ABS, controle de estabilidade e encaixe perfeito para a cadeirinha do Davi. No porta-malas, de 449 litros, cabem tanto várias caixas da Sobre Rodas como as malas da família inteira. 

Com ele, estacionar nas nossas movimentadas ruas passou a ser algo simples. A câmera de ré nos transforma em verdadeiras pilotas. Enquanto, do lado de fora, os homens ficam prontos para tirar sarro diante de uma possível barbeiragem ou de um arranhão no carro de trás, do interior basta acompanhar pela câmera e manobrar o sedã como se fosse um mini. É perfeito!

Isso sem falar de outros detalhes, como muitos espelhos, porta-objetos, computador de bordo, GPS, entrada USB, que serve tanto para músicas como para carregar o celular. As mulheres atuais precisam estar sempre conectadas.

Para abrir o porta-malas, sem fechadura à mostra, basta acionar o botão na chave ou puxar a alavanca no interior do veículo.

Os vidros dianteiros têm um formato maior e diferenciado, reduzindo os pontos-cegos, e as portas traseiras são grandes para facilitar o acesso dos passageiros.

Com certeza, a visão dele, Samuel, é totalmente diferente da minha. Os equipamentos utilizados no carro também, mas o mundo seria sem graça se homens e mulheres, mesmo casados, pensassem da mesma maneira. 

Por ele, Samuel Félix 

Já tive a oportunidade de dirigir diversos carros, considerados de luxo ou não. De todos me identifiquei com um automóvel apaixonante. Desde 2008, quando comprei meu primeiro Honda Civic, não encontrei nenhum outro com tudo o que ele oferece, considerando inclusive concorrentes da mesma categoria. Falo de tudo: do design, da dirigibilidade e do conforto. 

O Civic é um carro para quem gosta de dirigir e de ter conforto, e para isso nem precisa ser o modelo topo da linha. Mas, claro, se esse ainda for equipado com uns pequenos “luxos”, como câmbio automático, câmbio borboleta, controlador de cruzeiro (piloto automático), e se você apreender utilizar isso tudo, certamente seu conceito sobre o carro acaba e vira uma paixão. 

O veículoé show e se destaca também pela economia de combustível. Na estrada, chega a fazer 11 quilômetros por litro de gasolina. E, que os policiais não leiam este texto, obtém-se essa economia com o carro acima dos 110 km/h. O modo ECON, quando acionado, permite uma condução mais econômica.

A potência é alinhada com a segurança. A leveza é total; e o interior, agradabilíssimo. É simplesmente mágico e parece ter me hipnotizado, mas não, isso eu digo conscientemente mesmo. Se você tiver oportunidade de testar e de comprar, certamente irá entender e usufruir isso tudo com muito mais precisão.

Passe na Enjin, concessionária Honda em Foz do Iguaçu, Cascavel e Toledo, e faça o teste. Em Foz, está localizada na Avenida José Maria de Brito, 890. O telefone é (45) 2105-3100.

 

Deixe uma resposta