Variedades

Mostra propicia vivências sensoriais e interativas da riqueza natural

Unir o contato com o meio ambiente e a tecnologia, proporcionando a interação entre as famílias, é o principal objetivo da Conexão Estação Natureza em 2017. A exposição itinerante, promovida pela Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza está instalada no Shopping Catuaí Palladium. A mostra gratuita permanece na cidade até o dia 17 de setembro e finaliza suas passagens por cidades brasileiras em 2017.

A mostra busca mobilizar as famílias para um contato maior com a natureza.  Para isso,  oferece aos participantes recursos tecnológicos que permitem experiências sensoriais e interativas, que podem ser vividas de forma conjunta, aumentando a preocupação com a conservação. “Vemos a mostra como uma forma de levar às pessoas a riqueza de elementos que temos no meio ambiente e que, muitas vezes, não são percebidos pela rotina do nosso dia a dia. Em outros anos pudemos perceber o encantamento do público ao deixar a mostra, não só pelos recursos tecnológicos, mas também pela riqueza natural que muitos desconhecem. Acreditamos que apresentar isso de uma forma totalmente lúdica e participativa é uma excelente maneira de conscientizar”, analisa Malu Nunes, diretora executiva da Fundação Grupo Boticário.

A presença forte da tecnologia na vida familiar e a ausência de uma interação conjunta, principalmente em ambientes inseridos na natureza, faz com que a exposição se torne ainda mais importante para promover esse convívio saudável. As atrações são para todas as idades e proporcionam uma forma diferente de cada indivíduo compreender o seu papel na conservação da natureza. Desde o seu lançamento, em 2015, o Conexão Estação Natureza teve 22 passagens por 19 cidades brasileiras, impactando mais de dez milhões pessoas.

Histórico de sucesso

Premiada por dois anos seguidos (2015 e 2016), a exposição Conexão Estação Natureza foi finalista também em 2017 do Prêmio Caracol de Plata – que reconhece mensagens de benefício social ibero-americanos. Nos anos anteriores, a mostra foi reconhecida pelos prêmios Aberje – Região Sul, conquistando o primeiro lugar na categoria Comunicação e Relacionamento com a Sociedade (2015), e Colunistas Paraná 2015, com o segundo lugar na categoria Evento Cultural ou de Lazer. Em 2016 o reconhecimento veio com o Prêmio Chico Mendes 2016.

 

Deixe uma resposta