A chamada “Iniciativa Global de Gerenciamento de Água” da Ford vem introduzindo uma série de novas tecnologias e práticas em suas fábricas no mundo, visando a soluções sustentáveis para o uso racional. Essas ações vão desde iniciativas de grande porte, como mudanças no processo de usinagem de componentes com quantidade mínima de óleo, até hábitos mais simples como a lavagem a seco da sua frota de veículos.

Na fábrica de motores, transmissões e componentes automotivos de Taubaté, no interior de São Paulo, outro exemplo é a utilização de água reciclada dos processos industriais. O sistema abastece um lago existente nesta unidade que serve de abrigo para aves selvagens que passam num ciclo migratório pelo Vale do Paraíba, além de outras espécies que habitam o local.

O reconhecimento público das iniciativas da Ford é certificado por premiações que a empresa recebeu. Em 2015, a Ford foi uma das oito únicas multinacionais a ter a nota máxima da agência CDP, entidade internacional de avaliação e divulgação ambiental, pelas ações de conservação de água nos países onde opera, incluindo o Brasil. Além dessa distinção, a Prefeitura de São Bernardo do Campo premiou recentemente a empresa pelos projetos de captação de água da chuva para reutilização em processos fabris na unidade local.