Variedades

Paralisação desta quarta-feira em Foz é suspensa

Entidades sindicais e movimentos sociais decidiram cancelar o ato público marcado para esta quarta-feira, 18, em Foz do Iguaçu. A organização da mobilização considerou que a saúde coletiva é prioridade neste momento de pandemia de coronavírus (covid-19).

O protesto estava marcado para acontecer no Bosque Guarani, de onde os participantes do ato seguiriam em passeata pelo centro da cidade. Estão mantidas as mobilizações virtuais em defesa dos serviços públicos, por emprego e educação de qualidade.

A suspensão da mobilização presencial em Foz do Iguaçu segue orientação de especialistas e autoridades em saúde. A restrição do contato entre as pessoas é uma das principais formas de prevenção ao coronavírus.

“Suspendemos o ato público, mas a organização continua”, enfatiza Diego Valdez. “Vamos seguir fortalecendo a unidade entre sindicatos, movimentos sociais e populares para defender os serviços públicos, a geração de emprego e a educação de qualidade”, apontou.

Na campanha nas redes sociais, nesta quarta-feira, também será enfatizada a defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), instrumento vital no combate ao coronavírus. Reconhecido em todo o mundo como ferramenta que assegura a universalidade do acesso à saúde, o SUS vem sofrendo um verdadeiro desmonte com o congelamento e retirada de recursos.

_(APP-Sindicato/Foz. Foto: Marcos Labanca/Arquivo)_

Deixe uma resposta