Turismo

Parque Nacional do Iguaçu registra 2 milhões de visitantes

O Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as Cataratas do Iguaçu, registrou a marca de dois milhões de visitantes, nesta segunda-feira, 30 de dezembro, às 9h12. É a maior visitação anual de todos os tempos. O parque cresceu na procura dos turistas brasileiros e estrangeiros cerca de 7% em relação ao ano passado. Marlucia Pimentel, da cidade de Vitória, no Espírito Santo, foi a visitante de número 2 milhões do ano de 2019.

Marlucia e o marido, Rubens Pimentel, embarcaram neste sonho de visitar o lugar mais amado dos brasileiros com o casal Maria Aparecida e Fernando Rios, amigos há 40 anos. Eles ganharam do Parque Nacional do Iguaçu o passeio de barco pelas Cataratas, o sobrevoo na Maravilha Mundial da Natureza e a experiência gastronômica no Restaurante Porto Canoas, localizado ao lado das Cataratas do Iguaçu.

Emocionada com a surpresa do recorde, a visitante número 2 milhões, Marlucia Pimentel, contou sobre o motivo do passeio. “Visitar as Cataratas do Iguaçu é a realização de um sonho de muitos anos. Convidamos nossos amigos para viajar com a gente e estamos comemorando 35 anos de casados nesta Maravilha da Natureza. Agora a emoção é em dobro.”

Para Ivan Baptiston, chefe do Parque Nacional do Iguaçu, o registro de dois milhões de visitantes sinaliza que a unidade está no caminho certo. “Estamos zelando por este lugar e proporcionando condições para que mais pessoas possam conhecer e se conectar com a natureza. O parque está lindo. É isto que motivou a família Pimentel e seus amigos a conhecerem este lugar, que guarda uma das feições naturais mais lindas do mundo.”

Parceria de sucesso

O Parque Nacional do Iguaçu é administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão federal responsável pela administração das unidades de conservação federais do Brasil. Desde o ano de 1999, o Parque Nacional do Iguaçu conta com gestão dos serviços de visitação turística da concessionária Cataratas do Iguaçu S.A., empresa genuinamente iguaçuense, que integra o Grupo Cataratas.

Importância do Parque Nacional do Iguaçu para a comunidade local e o planeta

Mais que um volume significativo de visitantes, este desejo dos brasileiros e estrangeiros de conhecerem o Parque Nacional do Iguaçu reflete a qualidade dos serviços, que se equipara à dos melhores parques nacionais do mundo.

O parque ampliou as agendas com os municípios do entorno, as relações com as comunidades e, neste final de ano, atingiu dois milhões de visitantes com qualidade ambiental e respeito a biodiversidade do Parque Nacional do Iguaçu.

Este desejo sinaliza e reflete uma tendência muito positiva em relação à natureza. Cada vez mais as pessoas querem experiências e vivências em contato com a natureza. E Foz do Iguaçu está neste roteiro dos viajantes.

O Parque Nacional do Iguaçu oferece esta possibilidade a todo e qualquer perfil de visitante, com comodidade e segurança.

Importante também lembrar que a unidade de conservação, em seus 185 mil hectares de florestas, guarda a memória dos ambientes naturais da Região Oeste do Paraná. A memória das paisagens naturais, dos rios e riachos livres, límpidos e cheios de vida, e protege uma vasta, rara e especial manifestação de nossa fauna e flora, nossa biodiversidade.

Em seu território, o Parque Nacional protege perto de 400 espécies de aves, 158 espécies de mamíferos, 175 espécies de peixes, mais de duas mil espécies de plantas e mais de 750 espécies de borboletas.

Nesse ano de 2019, festejamos o retorno das queixadas, com várias varas de porcos aparecendo pelo parque. Nossas onças seguem aumentando; sua população triplicou em dez anos, aqui no parque e na região missioneira dos dois países (Brasil e Argentina) e no Corredor Verde.

Fonte: assessoria

Deixe uma resposta