Variedades

Toledo: Trabalhadores Rurais recebem orientações sobre segurança no trabalho

Mais de 10,8 mil pessoas foram a óbito somente em 2017 no Brasil em decorrência de acidentes de trabalho causados por animais peçonhentos em trabalhadores do campo, floresta e águas. Os dados são do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan). O Sistema também registrou 319 acidentes graves de trabalho em 2018 relacionados a atividades agrícolas no Paraná, além de 181 intoxicações por agrotóxico somente neste ano.

Esses números foram apresentados por uma equipe de técnicos da Secretaria de Saúde de Toledo nesta terça-feira (20) durante uma reunião do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Toledo. Participaram do encontro aproximadamente 50 pessoas, a maioria casais. Todos trabalhadores rurais representantes dos distritos de Toledo.

“Nós precisávamos fazer uma abordagem com esse público. Por meio da mobilização do sindicato, conseguimos a oportunidade para acessar os trabalhadores rurais e encontramos. Realizar ações educativas durante o ano faz parte das nossas atribuições nos mais diversos segmentos. Até então não tínhamos trabalhado com esse segmento”, explicou o Técnico de Segurança no Trabalho, Ercio Renato Soster, do Setor de Saúde do Trabalhador da Secretaria de Saúde.

Entre os assuntos abordados estão acidentes com máquinas agrícolas, uso de agrotóxicos e animais peçonhentos. As medidas de prevenção para cada situação, primeiros socorros e também explanaram indicadores sobre os óbitos e acidentes tanto em Toledo, quanto no Paraná e no Brasil.

Deixe uma resposta