Autos e Motos - Roberto Nunes

Volvo S60 esbanja esportividade na versão híbrida de 407 cavalos de potência

A esportividade está presente nos modelos alemães Audi, BMW e Mercedes-Benz. Uma das pioneiras na indústria automotiva e dona da patente do automóvel, a Mercedes-Benz esbanja potência na linha AMG Performance com modelos como o CLA 45 S com motor 2.0 turbinado, de até 421 cavalos, câmbio automático de oito velocidades e tração integral. O antídoto para a vontade alemã chegou com força por meio do sedã de luxo Volvo S60.

A equipe AUTOS E MOTOS rodou com a configuração T8 do S60 em Salvador, Bahia. Esta nomenclatura T8 indica que o sedã da Volvo é um híbrido com dois motores, sendo um a gasolina 2.0 turbo, de quatro cilindros e 320 cavalos, e outro propulsor elétrico que gera 87 cv. Juntos, entregam 407 cavalos de potência com o auxílio do câmbio automático de 8 velocidades e a tração AWD.

Além do visual “matador”, o S60 é realmente um sedã de pegada esportiva e está à frente dos rivais das marcas alemãs. Produzido na fábrica construída exclusivamente pela sueca Volvo na Carolina do Sul, o S60 tem sim “green card” dos Estados Unidos. E isso explica pelo crescimento da oferta dos concorrentes em solo ianque. E tem mais: é o único do segmento que combina motores a combustão e elétrico e mostra de primeira a diferença na mecânica mais atualizada para o mercado global.

Ofertado na Bahia pela GNC Suécia, revenda exclusiva da marca Volvo, o S60 chegou recentemente ao mercado brasileiro nas versões T4 Momentum: R$ 195.950, T5 Inscription: R$ 229.950 e híbrida T8 R-Design: R$ 269.950. Para o Brasil há também a mais exclusiva T8 Polestar Engineered com valor a partir de R$ 309.950.

Sedã família e bem esportivo

Quem deseja estacionar um sedã em sua garagem sempre procura requisitos como espaço interno, bom porta-malas, tecnologia embarcada e maiores comodidades. A Volvo entrega um amplo pacote que agrada o mais exigente consumidor do segmento de sedãs, especialmente para quem deseja um carro com requinte, luxo e uma série de novidades (este último argumento é o que faz muita, muita diferença entre os compradores que desembolsam quantias acima de R$ 200 mil para estacionar um automóvel na garagem).
O atendimento é dos mais personalizados e isto é necessário para saber a quantidade de informações dos pacotes de tecnologia, segurança e entretenimento no Volvo S60. Por ser a configuração topo da gama, a T8 R-Design, o S60 ganha espaço – literalmente – na construção planejada da plataforma SPA, a mesma dos modelos XC60 e XC90.

Por sinal, há muito do XC90 no sedã S60. A começar pelo visual arrojado de linhas e vincos horizontais que deixaram o S60 mais alargado. O sedã fica mais próximo ao solo e suas dimensões com 4,76 metros de comprimento e 2.872 metros de entre-eixos. Pesa mais de duas toneladas (exatos 2.041 kg) e garante bom espaço e conforto para motorista e demais passageiros. Por sinal, o sedã transporta confortavelmente cinco pessoas, incluindo o motorista, e pelo menos 442 litros de bagagens no porta-malas.

A motorização (combustão e elétrico) do S60 deixou o sedã “leve”; e o motorista tem a disposição a direção elétrica, mais precisa e leve, para funcionar em harmonia com a tração AWD e o câmbio automático. O carro responde rápido as aceleradas e freia também com a força e a vontade do pé do condutor, de maneira precisa e eficiente. Dados do fabricante indicam que o S60 T8 tem sim números de esportivos com potência combinada de 407 cavalos a 5.700 giros e torque máximo de 640 NM entre 2.200 e 5.400 rpm. Tudo isso com pneus de perfil 235/40 de aro 19 e o auxílio do dispositivo com cinco modos diferentes de condução: Eco, Comfort, Dynamic, Individual e Pure. De zero a 100k/h, faz rapidamente em 4,4 segundos. Tem velocidade controlada nos 250 km/h.

O S60 esbanja sim muita tecnologia de segurança. De série, todas as versões são equipadas com controle de cruzeiro adaptativo, alerta de mudança de faixa, sistema de proteção em saída de estrada, sistemas de proteção contra impactos laterais e lesões na coluna cervical, alerta de colisão frontal e traseira e sistema de alerta de ponto cego.

Entre as tecnologias presentes no sedã, destaque para o piloto automático adaptativo com assistência de direção até 130 km/h. O modelo da Volvo anda praticamente sozinho com seus sistemas de condução semiautônoma, similares ao do SUV grandalhão XC90. Assim, o motorista é auxiliado para ficar atento ao volante e voltar à sua trajetória na pista, por meio dos sensores de leitura de faixas e de placas, sistema de impacto frontal e laterais também e o já conhecido Blis, o alerta de trânsito nas laterais por indicativos luminosos nos retrovisores.

Conectividade e tecnologia

A Volvo caprichou em praticamente tudo no S60. O sedã de luxo é esportivo sim e é também confortável e altamente conectado. A configuração híbrida entrega toques de performance, além de conforto e mimos para todos com teto solar elétrico panorâmico, bancos dianteiros com ventilação e aquecimento, faróis direcionais com facho alto automático e sistema de som Harman Kardon de 600W.
A tela do multimídia é ao estilo tablet igualzinho a dos irmãos XC40, XC60 e XC90. O S60 tem também acabamento primoroso e há materiais de alta qualidade. O quadro de instrumentos, por exemplo, é de 12 polegadas e o sistema multimídia Sensus Connect possui uma tela tátil antirreflexo de 9 polegadas no alto do painel central para controlar todos os sistemas do carro, como navegação Sensus Navigator, telefone, equipamentos de segurança, entre outros.

O smartphone do motorista ou do carona é facilmente conectado e todos os aplicativos podem ser usados por meio do Apple Car Play e do Android Auto. O motorista e o carona são bem cuidados pela Volvo, que incluiu bancos anatômicos com regulagens diversas, incluindo lombar e prolongamento dos assentos dianteiros e apoios laterais para as pernas.

Para sua linha de carros híbridos, a Volvo disponibiliza o cabo de carregamento do sistema elétrico para os donos do S60 T8. Além disso, é possível pagar cerca de R$ 8 mil para ter em casa uma estação de abastecimento. É um investimento que faz a diferença, já que a carga total das baterias do sistema elétrico do S60 T8 é feita em duas horas (no caso do carregamento do sistema elétrico do S60 na rede de energia doméstica, a carga total pode demorar de 6 horas a 8 horas).

Se há algum deslize neste sedã sueco S60 com passaporte USA é a falta de um sistema de indução para o carregamento do smartphone. Em um carro que é híbrido, que usa a tecnologia da eletricidade para o deslocamento, isso é, no mínimo, imprescindível. Há no SUV menor XC40 e é dispensado no luxuoso S60?

Em um mundo altamente digital e onde os cidadãos estão o tempo todo com o celular nas mãos e tomando suas decisões online, esquecer o cabo do carregador do smarthone é um sinal de que você poderá perder negócios ou mesmo um encontro de lazer, por exemplo. E isso ninguém deseja hoje, né?

Volvo S60 T8 R-Design

– Motor – Gasolina 2.0 turbo, de 320 cv, e elétrico de 87 cv. Juntos, geram 407 cv de potência
– Câmbio: Automático de oito velocidades
– Tração: AWD
– Direção: Elétrica
– Tanque – 60 litros
– Porta-malas, 442 litros
– Peso: 2.041 kg
– Preço: R$ 269.950

Deixe uma resposta