Lançamentos

Preço médio dos dez carros mais vendidos triplica em uma década

O Brasil atual guarda poucas semelhanças com o de dez anos atrás. Ao menos no que diz respeito ao mercado automotivo. Prova disso é a disparidade marcante entre os dez modelos mais vendidos de 2011 e os da lista atual, uma vez que apenas o Volkswagen Gol configura nas duas simultaneamente. Contudo, mais relevante do que a diferença entre os carros é observar a dos preços, uma vez que atualmente o preço médio dos dez carros mais vendidos do Brasil é 189,6% maior do que o de uma década atrás.

De acordo com o ranking dos modelos mais vendidos da Fenabrave, entidade que reúne as concessionárias, em 2011, todos os veículos listados da primeira à décima posição pertenciam às categorias compactas de entrada (hatch ou sedã). E, segundo apuração da KBB Brasil, empresa especializada em pesquisa de preços de veículos novos e usados, nenhum deles ultrapassava o limite de R$ 40 mil de preço médio das versões, sendo o Chevrolet Celta o que possuía o menor valor médio (R$ 24.735) e o Volkswagen Voyage, o maior (R$ 39.475). Em média, portanto, o preço dos 10 carros mais vendidos da época girava em torno de R$ 33.327.

O cenário deste ranking hoje não poderia ser mais distinto. Primeiramente, até o décimo colocado, quatro modelos são SUVs. E hoje o carro com o preço médio mais barato do Top 10 é o Renault Kwid, com R$ 49.335. Já o mais caro é o Jeep Compass, com preço médio de R$ 187.190. Com isso, o preço médio dos dez mais vendidos de 2021 é praticamente três vezes maior do que o dos de 2011, em R$ 96.528.

Ranking Top 10 mais vendidos em 2011 

Preço médio 0 km KBB (ago/2011) 

Ranking Top 10 mais vendidos em 2021 

Preço médio 0 km KBB (ago/2021) 

VW Gol

 R$            34.098,00

Fiat Argo

 R$            79.677,00

Fiat Uno

 R$            31.543,00

Hyundai HB20

 R$            78.447,00

Chevrolet Celta

 R$            24.735,00

Fiat Mobi

 R$            53.472,00

VW Fox

 R$            39.257,00

Jeep Renegade

 R$         146.000,00

Fiat Palio

 R$            33.260,00

Jeep Compass

 R$         187.190,00

Fiat Siena

 R$            39.262,00

Chevrolet Onix

 R$            78.566,00

VW Voyage

 R$            39.475,00

VW Gol

 R$            68.350,00

Ford Fiesta

 R$            30.123,00

Hyundai Creta

 R$         117.850,00

Renault Sandero

 R$            35.520,00

VW T-Cross

 R$         106.394,00

Chevrolet Classic

 R$            26.000,00

Renault Kwid

 R$            49.335,00

Preço médio 0 km KBB do Top 10 

2011 

2021 

Variação (%) 

 R$            33.327,00

 R$               96.528,00

189,64

Como apenas o Volkswagen Gol aparece nas duas listas ao mesmo tempo, não é possível estabelecer uma interpretação meramente inflacionária entre os dois períodos, uma vez que as categorias dos carros presentes no Top 10 atual possuem valores agregados bastante superiores aos do ranking da década passada. Contudo, constata-se que, considerando o valor do salário mínimo de 2011 (R$ 545), seriam necessários 61 salários para atingir o preço médio dos dez mais vendidos daquele ano, enquanto atualmente são requeridos 87, tomando como base o valor de R$ 1.100 vigente.

Esta investigação cumpre o propósito de evidenciar o quanto o perfil dos carros mais vendidos do País mudou em comparação com dez anos atrás e quão distante o acesso a estes veículos está para o consumidor brasileiro. Se há uma década – quando o mercado brasileiro acumulava quase 3,5 milhões de unidades 0 km licenciadas ao ano – os veículos mais vendidos poderiam ser considerados, todos, populares, hoje apenas dois modelos poderiam se enquadrar nesta categoria (e com ressalvas quanto à real acessibilidade devido ao preço médio mais elevado).

A KBB Brasil utiliza tecnologias de análise de dados e Big Data para produzir os levantamentos de precificação de veículos novos e usados. O processamento é realizado por um complexo algoritmo alimentado semanalmente por uma base com mais de 800 mil informações de preços de diferentes fontes do mercado. Além disso, todos os dados são avaliados diariamente por uma análise rígida de uma equipe de especialistas para garantir a validação dos preços publicados no site de acordo com a realidade brasileira. A empresa atua com o propósito de conscientizar os consumidores na compra e venda de carros a partir da determinação de preços justos. Todos os preços da KBB Brasil são públicos e podem ser consultados gratuitamente no site kbb.com.br.