Lançamentos

A história de um dos maiores motociclistas do mundo, “El Gran Capy”, já está à venda

 

Patrícia, uma exímia redatora, abre a narração contando como foram os últimos anos de vida do homem que um dia viveu como herói, considerado um dos maiores motociclistas do mundo, cercado de mulheres, cheio de carros e dinheiro que gastava sem qualquer preocupação com o futuro. Mas, que aos 73 anos, quando morreu de pneumonia, tinha um pequeno lava a jato na periferia de Foz do Iguaçu.

A escritora destaca que quando estava no Globo da Morte, o pai se transformava. E no livro, ela conta: “Era nessas horas que Antônio Francisco Iunovich encarnava El Gran Capy. Ele soltava as mãos do guidão, cruzava os braços, levantava as pernas, com a moto dando voltas de lado no vazio. Em espiral, a 100 quilômetros por hora, fazia o contorno da circunferência, cada vez mais alto, enquanto os espectadores acompanhavam suas manobras de olhos arregalados e boca seca, ensurdecidos pelo ronco do motor, inebriados pelo cheiro de gasolina, óleo e graxa”.

Para a jornalista, o lançamento do livro é um misto de emoções, tanto de filha como de escritora. “A gente se prepara pra esse momento e quando ele chega, fica uma pergunta: e agora? Espero que gostem. É forte. É uma síntese de uma história de glórias e a decadência de um artista com uma personalidade muito forte.

A muralha

A Muralha da Morte é um cilindro construído com tábuas, de 7 metros de altura por 20 de circunferência. Os pilotos sobem por uma rampa circular e, a partir dos 80 quilômetros por hora, parecem soltos no ar, de tão grudados na pista. Eles passam rente ao público, que se debruça na borda do circuito, sobre as paredes a prumo.

O livro custa R$ 30,52. E pode ser comprado pelo link https://www.amazon.com.br/Capy-Fant%C3%A1sticas-Aventuras-Motociclista-Muralha/dp/8581303773/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1507556273&sr=8-1&keywords=iunovich

 

Deixe uma resposta