Variedades

Ação na Ponte da Amizade conscientiza sobre o tráfico de pessoas

Com objetivo de conscientizar a população da tríplice fronteira sobre a abrangência do Tráfico de Pessoas, o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras (IDESF), juntamente com a Cáritas, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/FI) e grupo de parceiros, realizou no sábado (23), na Ponte da Amizade, a segunda ação da campanha _Coração Azul, Contra o Tráfico de Pessoa_.

Na ação, voluntários do grupo Jocum (Jovens com uma Missão) abordaram os motoristas nos dois sentidos das vias, distribuindo panfletos explicativos sobre o crime e adesivaram os veículos com o contato para denúncias. Outra equipe de voluntários fez abordagem aos pedestres que passavam pela ponte, em especial aos pais com crianças, esclarecendo sobre a necessidade de portar documentos dos pequenos ao fazer a travessia para o país vizinho.

“É importante que os pais compreendam que a travessia da ponte implica na entrada em um outro País, com legislação própria, e que a identificação das crianças – as mais vulneráveis a esse tipo de crime – é um direito que legalmente as protege”, afirmou a diretora do IDESF e uma das coordenadoras da ação, Vanessa Miranda. A coordenadora da Casa do Migrante de Foz do Iguaçu, irmã Terezinha Maria Mezzalira também participou da ação.

Foz do Iguaçu conta com uma atuação da Câmara Técnica de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, composta por um conjunto de entidades parceiras que atuam no combate a esse crime. A campanha Coração Azul, Contra o Tráfico de Pessoas tem o lema “Liberdade não se compra. Dignidade não se vende” e a participação do IDESF, Cáritas, grupo Jocum (Jovens com uma Missão), Unila, Sanepar, Unioeste, OAB/FI, Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), Secretaria Municipal de Assistência Social de Foz do Iguaçu. O patrocínio é da Itaipu.

Fonte: Assessoria

Deixe uma resposta