Lançamentos

Lançada no VW Gol, tecnologia flex completa 15 anos no Brasil

A Volkswagen está comemorando o 15° aniversário do lançamento do primeiro modelo Total Flex no Brasil, o Gol Power 1.6. Lançado em 2003, ele foi o primeiro veículo capaz de rodar com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção.

“A marca Volkswagen comemora em 2018 seus 65 anos de atividades no Brasil. Nesse tempo, a marca foi e continua sendo protagonista de muitas tecnologias e inovações. Um exemplo é o Total Flex, tecnologia bicombustível que está completando 15 anos agora em março. De lá para cá foram cerca de 6 milhões e 700 mil carros produzidos com essa tecnologia pela Volkswagen”, afirma Pablo Di Si, Presidente e CEO da Volkswagen Região América do Sul e Brasil

A tecnologia Total Flex foi inteiramente desenvolvida no Brasil e é reconhecida internacionalmente como exemplo de contribuição da indústria automobilística brasileira à sustentabilidade e à preservação ambiental.

Desde o lançamento do primeiro modelo Total Flex, a Volkswagen já comercializou 6.673.709 veículos flex (dados acumulados de março de 2003 a fevereiro de 2018). A gama atual de motores aspirados Total Flex inclui versões 1,0 e duas opções 1,6. Além desses, há três configurações TSI (Turbocompressor e injeção direta de combustível) com essa tecnologia: dois 1.0 e um 1.4.

Sucesso imediato

Desde que foi lançada, em março de 2003, a tecnologia Total Flex teve sucesso imediato e, sete meses depois, mais um marco na história da indústria nacional: a Volkswagen lançou em outubro de 2003 o Fox 1.0 Total Flex, primeiro motor 1.0 do mercado nacional com essa tecnologia.

Três anos depois de chegar ao mercado, a tecnologia Total Flex já alcançava a marca dos 500 mil veículos comercializados. Já no ano seguinte, em maio de 2007, a Volkswagen comemorava o recorde de 1 milhão de veículos Total Flex vendidos.

 

Evolução das vendas dos modelos Total Flex – cronologia

– Março de 2006 – 500.000 de unidades vendidas

– Maio de 2007 – 1.000.000 de unidades vendidas

– Fevereiro de 2009 – 2.000.000 de unidades vendidas

– Agosto de 2010 – 3.000.000 de unidades vendidas

– Janeiro de 2012 – 4.000.000 de unidades vendidas

– Julho de 2013 – 5. 000.000 de unidades vendidas  

– Junho de 2015 – 6.000.000 de unidades vendidas

 

Eficiência energética

Quando foi lançado em março de 2003, o Gol 1.6 Total Flex já era considerado um dos modelos mais econômicos da categoria. Em 2004, o modelo passou a contar com o mesmo propulsor 1.0 Total Flex do Fox. Corrigindo os valores de acordo com as normas atuais do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV) do INMETRO, o Gol 1.0 Total Flex 2004 teria consumo combinado (estrada/cidade) com gasolina na ordem de 11,3 km/l.

Em 2012, o Gol 1.0 Total Flex passou a contar com o motor 1.0 TEC, com uma série de melhorias e inovações. Considerando o mesmo fator de correção do Inmetro, o Gol 1.0 2012 apresentaria consumo combinado de 12,1 km/l – ou seja, melhoria de 7% em relação ao modelo de 2004.

Atualmente, o Gol é comercializado com o motor 1.0 de três cilindros, da Família EA211. Esse modelo apresenta consumo combinado de 13,9 km/l, ou seja, 15% melhor do que o Gol em 2012 e 23% mais econômico do que o Gol 1.0 Total Flex 2004.

Tecnologia e robustez

O sistema flexível tem um complexo software capaz de, em segundos, adaptar o motor ao combustível presente no tanque. A implantação do sistema Total Flex exigiu também a adaptação de vários componentes e sistemas, que precisaram ser protegidos da ação corrosiva do etanol. Entre eles figuram o tanque, bomba e condutos de combustível, válvulas e sedes de válvulas, bicos de injeção, velas de ignição, catalisador e sistema de escapamento.

Desde o seu lançamento, os motores Total Flex continuaram a ser desenvolvidos, visando sempre a maior eficiência energética e, consequentemente, a redução de emissões. O desenvolvimento da tecnologia eletrônica possibilitou a elevação da taxa de compressão, por exemplo, melhorando o desempenho quando o etanol é utilizado, sem prejudicar o funcionamento do motor apenas com gasolina.

 

Outro avanço da Volkswagen na tecnologia flexível foi a adoção do sistema de partida a frio sem necessidade de tanque auxiliar de gasolina, lançado em março de 2009, no modelo Polo E-Flex. Atualmente, essa tecnologia está presente em modelos como up!, Saveiro Cross, Novo Polo, Virtus, Golf e Golf Variant.

Deixe uma resposta