Esporte

Velejadores do ICLI conquistam nove troféus no Campeonato Mercosul na Argentina

Doze alunos do projeto “Velejar é Preciso“ do Iate Clube Lago de Itaipu (ICLI) conquistaram ótimos resultados no último fim de semana – 29 a 31 de julho – na 12ª edição do Campeonato Mercosul no Yacht  Club  Posadas.  Noventa e quatro velejadores do Brasil, do Paraguai e das províncias argentinas de Chaco, Corrientes e Misiones participaram da competição no rio Paraná em frente ao clube de Posadas.  Na classe Laser foram 31 inscritos: 14 na categoria 4.7, 9 na Radial e 7 na Standart. Na classe Optimist, um total de 57 inscritos: 12 na categoria Veteranos, 24 Estreantes e 21 Escola.

Os velejadores do ICLI mostraram excelente nível técnico com muita garra e determinação.  Os larseristas dominaram as regatas e garantiram os três primeiros lugares no masculino e o primeiro lugar feminino da classe Laser 4.7.   O atleta Renan Amaral conquistou o título de campeão, seguido de João Pedro Alves e Fábio Santa Cruz. A velejadora Laís dos Santos venceu no feminino e também subiu ao pódium do Laser 4.7. O velejador Guilherme Seiji Miyaki estreou na classe Radial e conquistou o 6º lugar.

No Optimist foram mais cinco troféus, principalmente porque no último dia ventou mais forte e foi favorável para a equipe. Rafael Bonatto trouxe para Foz do Iguaçu o vice-campeonato de Optimist com uma diferença de apenas 5 pontos. Velejou muito bem ao lado de Gabriel Bonatto (4º. lugar) e Luis Henrique da Silva (7º lugar). Os estreantes também fizeram bonito com Alessandro Alves Pereira (4º lugar) e Eduardo Batista Nunes (8º lugar). Lucas Santiago e Ana Laura Pereira não conseguiram troféu, mas mostraram bom nível técnico e conquistaram respectivamente a 12º e 16º posição entre os Estreantes. 

Michel Bueno, coordenador técnico do Projeto Velejar é Preciso avalia que participação dos velejadores do ICLI foi excelente.  “As regatas foram muito competitivas e com alto nível técnico. O Laser,  desde o primeiro dia conseguiu  uma média muito boa nas regatas, com bons resultados nos três dias. No Optimist, nossos atletas correram com muita garra na competição de nível internacional. Todos nossos velejadores foram vencedores e merecem nossos aplausos pelos bons resultados alcançados, demonstrando que estão evoluindo em diferentes habilidades com a participação no Projeto Velejar é Preciso, que conta com o patrocínio da Itaipu Binacional e da Marinha do Brasil”, conclui Bueno.

Competição Mundial de Laser 4.7 começa nesta terça na Alemanha

O velejador do ICLI Andrey Godoy está desde o dia 22 de julho na Alemanha se preparando para participar do Campeonato Mundial da Classe Laser.  A competição de Laser 4.7 começa nesta terça-feira, dia 2 de agosto, às 11 horas, na cidade de Kiel (6 horas da manhã em Foz do Iguaçu). Trezentos e oitenta e oito velejadores (127 feminino e 261 masculino) se registraram para a disputa prevista de 12 regatas até 7 de agosto.  Nesta segunda-feira (1/8) foi o último dia de regata treino com largada única com todos os participantes do Laser 4.7 e a cerimônia de abertura. O Campeonato Mundial de Laser  segue até o dia 16 de agosto com as regatas das Laser Radial e Laser Standard Juventude. Nas três classes mais de 600 jovens velejadores de mais de 43 nações participam da competição mundial em Kiel-Schilksee,  considerado o  lugar olímpico da vela, desde quando foi construído o Centro Olímpico de Schilksee para os Jogos Olímpicos de 1972 na Alemanha.

Andrey Godoy é atleta do Projeto Velejar é Preciso do ICLI  desde 2009 e sua participação é inédita como representante de Foz do Iguaçu e do Paraná.   É o único brasileiro no mundial, graças ao patrocínio da Itaipu Binacional e ao apoio do ICLI na organização da viagem (inscrição, transporte, aluguel de barco, hotel, uniformes, etc). O Projeto Velejar é Preciso conta hoje com o patrocínio da Itaipu Binacional e da Marinha do Brasil.

Projeto Velejar é Preciso

Desde 2001, o Iate Clube Lago de Itaipu (ICLI) desenvolve o projeto social Velejar é Preciso. Devido à relevância deste projeto, o clube é reconhecido como entidade de utilidade pública municipal. O projeto é para jovens de 8 e 17 anos, de ambos os sexos, todos moradores do bairro de Três Lagoas e estudantes da rede pública de ensino. Em dezembro de 2012, o projeto ganhou reforço com o apoio da Itaipu Binacional, através de convênio por meio do Programa de proteção à Criança e ao Adolescente (PPCA). Em fevereiro de 2016 este convênio foi renovado por mais dois anos com a Itaipu Binacional. Em junho de 2016, a Marinha assinou convênio com o ICLI para apoiar o Projeto Velejar é Preciso em itens não contemplados pelo patrocínio da Itaipu.  O clube já sediou vários campeonatos regionais, estaduais e até mesmo eventos nacionais e internacionais. O projeto também revelou alguns atletas que representam a cidade no mundo a fora.

Deixe uma resposta